Segunda-feira de apenas seis baterias no Rip Curl Pro Bells

Jesse Mendes of Brazil placed second in Heat 3 of Round 3 at the Rip Curl Pro, Bells Beach, 2018.
Jesse Mendes (Foto: @WSL / Ed Sloane)
By João Carvalho

A segunda-feira foi mais um dia de ondas difíceis para competir em Bells Beach. A terceira fase masculina até chegou a ser iniciada, mas foi interrompida após a sexta bateria, quando as condições já estavam bastante deterioradas pela ação do vento. O dia acabou começando e terminando com dois favoritos ao título do Rip Curl Pro sendo eliminados. O campeão do ano passado, Jordy Smith, perdeu a primeira bateria para o novato australiano, Wade Carmichael. E na última, caiu Julian Wilson que estreava com a lycra amarela de número 1 do Jeep Leaderboard, barrado pelo americano Patrick Gudauskas numa bateria quase sem ondas.

Jesse Mendes (Foto: @WSL / Ed Sloane)

Apenas um brasileiro competiu e Jessé Mendes só teve duas oportunidades de mostrar o seu surfe na terceira bateria. Owen Wright pegou as melhores e somou duas notas na casa dos 7 pontos para vencer com o maior placar do dia, 15,14 a 10,33. Owen vai participar da primeira batalha por duas vagas nas quartas de final, com o também australiano Wade Carmichael e o taitiano Michel Bourez.

Publicidade

Os outros três que já se classificaram foram os australianos Mick Fanning e Matt Wilkinson, além do californiano Patrick Gudauskas, que barrou o líder do ranking, Julian Wilson, na bateria que acabou sendo a última do dia. Os três vão disputar o segundo confronto da quarta fase, valendo mais duas vagas para as quartas de final. A bateria seguinte seria a do bicampeão mundial John John Florence com o também havaiano Ezekiel Lau, que ficou para as 7h00 da terça-feira na Austrália, 17h00 da segunda-feira no fuso horário de Brasília.

JEEP LEADERBOARD – Com a eliminação em 13.o lugar no Rip Curl Pro Bells Beach, seis surfistas têm chances matemáticas de superar os 11.665 pontos que Julian Wilson ficou no ranking. Quem está mais próximo de lhe tirar a lycra amarela do Jeep Leaderboard é o também australiano Adrian Buchan, vice-campeão na final contra ele na Gold Coast. Ele consegue isso se passar para as quartas de final, ou seja, tem que passar duas fases em Bells Beach.

Owen Wright (Foto: @WSL / Ed Sloane)

O brasileiro Filipe Toledo entra na briga e ultrapassa Julian Wilson se chegar na final, mesma situação do australiano Owen Wright e o taitiano Michel Bourez, que já passaram para a quarta fase. Os outros dois concorrentes para assumir a liderança na corrida do título mundial são os campeões mundiais Mick Fanning e Adriano de Souza, que só superam a pontuação de Julian Wilson se voltarem a vencer o Rip Curl Pro Bells Beach.

BRASILEIROS – Filipe e Mineirinho estão entre os outros cinco brasileiros que passaram para a terceira fase e estão escalados nestas seis baterias adiadas na segunda-feira. O campeão mundial Adriano de Souza está na nona com o americano Conner Coffin. Depois, acontecem os dois duelos verde-amarelos, entre Filipe Toledo e Italo Ferreira na décima bateria e Gabriel Medina com Willian Cardoso na 12.a e última da terceira fase.

Acompanhe a transmissão ao vivo do Rip Curl Pro Bells Beach pelo www.worldsurfleague.com ou pelo Facebook Live, ou pelo aplicativo da World Surf League e aqui no Brasil as etapas do World Surf League Championship Tour 2018 também podem ser assistidas no canal ESPN.

SOBRE A WORLD SURF LEAGUE – A World Surf League (WSL) tem como objetivo celebrar o melhor surfe do mundo nas melhores ondas do mundo, através das melhores plataformas de audiência. A Liga Mundial de Surf, com sede em Santa Mônica, na Califórnia, atua em todo o globo terrestre, com escritórios regionais na Austrália, África, América do Norte, América do Sul, Havaí, Europa e Japão.

A WSL vem realizando os melhores campeonatos do mundo desde 1976, realizando mais de 180 eventos globais que definem os campeões mundiais masculino e feminino no Championship Tour, além do Big Wave Tour, Qualifying Series e das categorias Junior e Longboard, bem como o WSL Big Wave Awards. A Liga tem especial atenção para a rica herança do esporte, promovendo a progressão, inovação e desempenho nos mais altos níveis, para coroar os campeões de todas as divisões do Circuito Mundial.

Os principais campeonatos de surf do mundo são transmitidos ao vivo pelo www.worldsurfleague.com e pelo aplicativo grátis WSL app. A WSL tem uma enorme legião de fãs apaixonados pelo surf em todo o mundo, que acompanham ao vivo as apresentações de grandes estrelas, como Tyler Wright, John John Florence, Paige Alms, Kai Lenny, Taylor Jensesn, Honolua Blomfield, Mick Fanning, Stephanie Gilmore, Kelly Slater, Carissa Moore, Gabriel Medina, Courtney Conlogue, entre outros, competindo no campo de jogo mais imprevisível e dinâmico entre todos os esportes no mundo.

Para mais informações, visite o WorldSurfLeague.com.

———————————————————–

João Carvalho – WSL South America Media Manager – jcarvalho@worldsurfleague.com

———————————————————–

QUARTA FASE DO RIP CURL PRO BELLS BEACH NA AUSTRÁLIA:

———1.o e 2.o=Quartas de Final e 3.o=9.o lugar com 1.665 pontos e US$ 11.500 de prêmio:

1.a: Owen Wright (AUS), Michel Bourez (TAH), Wade Carmichael (AUS)

2.a: Matt Wilkinson (AUS), Mick Fanning (AUS), Patrick Gudauskas (EUA)

3.a: Vencedores da 7.a, 8.a e 9.a baterias da Terceira Fase

4.a: Vencedores da 10.a, 11.a e 12.a baterias da Terceira Fase

TERCEIRA FASE – Derrota=13.o lugar com 1.665 pontos e US$ 11.500 de prêmio:

———-resultados da segunda-feira:

1.a: Wade Carmichael (AUS) 13.30 x 12.17 Jordy Smith (AFR)

2.a: Michel Bourez (TAH) 12.84 x 9.66 Kolohe Andino (EUA)

3.a: Owen Wright (AUS) 15.14 x 10.33 Jessé Mendes (BRA)

4.a: Matt Wilkinson (AUS) 13.77 x 12.33 Griffin Colapinto (EUA)

5.a: Mick Fanning (AUS) 13.56 x 9.10 Sebastian Zietz (HAV)

6.a: Patrick Gudauskas (EUA) 10.73 x 9.37 Julian Wilson (AUS)

———-ficaram para abrir a terça-feira:

7.a: John John Florence (HAV) x Ezekiel Lau (HAV)

8.a: Joel Parkinson (AUS) x Frederico Morais (PRT)

9.a: Adriano de Souza (BRA) x Conner Coffin (EUA)

10.a: Filipe Toledo (BRA) x Italo Ferreira (BRA)

11.a: Adrian Buchan (AUS) x Jeremy Flores (FRA)

12.a: Gabriel Medina (BRA) x Willian Cardoso (BRA)

QUARTAS DE FINAL DO RIP CURL WOMEN´S PRO BELLS BEACH:

1.a: Carissa Moore (HAV) x Silvana Lima (BRA)

2.a: Tatiana Weston-Webb (HAV) x Nikki Van Dijk (AUS)

3.a: Johanne Defay (FRA) x Caroline Marks (EUA)

4.a: Stephanie Gilmore (AUS) x Sage Erickson (EUA)