Raoni Monteiro: ‘Ansioso para receber o Tour em casa’

A onda de Saquarema com a igreja de Itaúna ao fundo. Foto:Pedro Monteiro.

Após 10 anos entre os melhores competidores do planeta, local de Itaúna está ansioso para receber o Tour em casa.

Publicidade

Como todos já sabem, Saquarema, na Região dos Lagos do Rio de Janeiro, foi a escolhida para receber a elite do Circuito Mundial da World Surf League entre os dias 9 a 20 de maio. E ninguém melhor que um local e ex-representante da cidade no Circuito para falar melhor da famosa onda de Saquá .

“Eu acho que vai ser bom para todos, mas principalmente para a cidade. Saquarema já está no meio do surf há muito tempo, com as etapas do QS e bem antes com os Festivais de Surf da década de 70, e é famosa por suas ondas internacionalmente. Ter uma etapa da primeira divisão aqui supre uma expectativa muito grande também para a molecada local para ver os ídolos de perto, ver os caras que eles assistem em vídeo surfando no pico deles. Para quem gosta de surf e mora em Saquarema, vai ser a oportunidade perfeita de ver os melhores do mundo atuando em nossas ondas. Saquarema quebra perfeito e a expectativa é que a cidade cumpra seu papel ao receber o Tour”, fala Raoni Monteiro, ex-top WCT que permaneceu na elite do surf mundial por cerca de uma década.

Raoni Monteiro na famosa onda de Saquarema. Foto:Nilton Gibão.

E um dos mais famosos locais de Saquarema ainda comenta sobre a cidade ser a sede da etapa brasileira do mundial: “Para a economia local vai ser uma excelente oportunidade fora de temporada, mas acho que a expectativa dos surfistas locais é ainda maior. É a concretização de um desejo antigo. Espero mesmo que nada mude em relação ao local da competição e que seja aqui no quintal de casa.”

Raoni aproveitando as ondas de seu quintal de casa. Foto: Nilton Gibão.

Fonte surfar.com.br