Mineirinho busca o bi em Saquarema: “Onda fantástica”

Campeão mundial de 2015 busca embalar na temporada (Foto: Divulgação/WSL)

Campeão em 2017, Mineirinho busca o bi em Saquarema: “Onda fantástica”
Atual vencedor da etapa brasileira do Circuito Mundial, Adriano de Souza inicia a defesa do título a partir desta sexta-feira. “Guardo com carinho essa conquista do ano passado”

Campeão do Rio Pro 2017, Adriano de Souza, o Mineirinho, inicia a defesa do título a partir desta sexta-feira em Saquarema (RJ). Motivado, o surfista se diz admirador da onda de Itaúna, conhecida como o “Maracanã do Surfe”. Competindo na bateria 8, Adrano terá como primeiros adversários o americano Griffin Colapinto e o sul-africano Michael February. A primeira chamada do Rio Pro acontece às 7h desta sexta. A janela da competição vai até o dia 20.

– Itaúna é uma onda fantástica, forte, na qual você pode mostrar todo o seu surfe. Eu amo surfar em Saquarema e estou muito feliz em voltar aqui mais uma vez. Acho que Saquarema chegou para ficar de vez no calendário do Circuito Mundial. A continuidade já mostra que existe um grau de satisfação com a realização de uma etapa aqui. O mais importante é mantermos essa etapa no Brasil – disse o surfista.

Além de ter sido uma vitória em casa, a conquista do Rio Pro 2017 teve um sabor de reafirmação para Mineirinho. Adriano estava sem subir no lugar mais alto do pódio desde dezembro de 2015, quando foi campeão em Pipeline, sacramentando a conquista do título mundial. Ao derrotar o australiano Adrian Buchan na decisão do ano passado, o brasileiro comemorou efusivamente a vitória, chegando a dar uma volta olímpica de jét-ski no mar de Itaúna.

– A vitória aqui no ano passado me marcou. Estava há algum tempo sem vencer uma etapa e acabar com esse jejum justo no Brasil foi espetacular. Guardo com carinho essa conquista – frisou.

Atual 10º colocado no Circuito Mundial 2018 com 7,030 pontos, Mineirinho mantém os pés no chão quanto às perspectivas para a temporada. Com oito etapas a serem realizadas, ele crê que muita coisa pode mudar até dezembro.

– Vou continuar lutando. Ainda dá tempo de reagir e não existirá reação melhor que conquistando um bom resultado em Saquarema. Chego bem preparado e empolgado após o bom desempenho na Founders’Cup. Agora é hora de defender meu título em Itaúna – resumiu.

Além de Adriano de Souza, outros 13 brasileiros estarão em ação na competição masculina em Saquarema. Filipe Toledo e Ian Gouveia são os primeiros brazucas a entrarem na água. Eles se enfrentam na bateria 1, que tem também o japonês Kanoa Igarashi.

Baterias da 1ª fase

1. Filipe Toledo (BRA) x Kanoa Igarashi (JPN) x Ian Gouveia (BRA)
2. Jordy Smith (AFR) x Tomas Hermes (BRA) x Miguel Pupo (BRA)
3. Owen Wright (AUS) x Wade Carmichael (AUS) x Wiggolly Dantas (BRA)
4. John John Florence (HAV) x Joan Duru (FRA) x Mikey Wright (AUS)
5. Gabriel Medina (BRA) x Jessé Mendes (BRA) x Alejo Muniz (BRA)
6. Julian Wilson (AUS) x Patrick Gudauskas (EUA) x vencedor da triagem
7. Italo Ferreira (BRA) x Connor O´Leary (AUS) x Keanu Asing (HAV)
8. Adriano de Souza (BRA) x Griffin Colapinto (EUA) x Michael February (AFR)
9. Michel Bourez (TAH) x Conner Coffin (EUA) x Yago Dora (BRA)
10. Adrian Buchan (AUS) x Sebastian Zietz (HAV) x Ezekiel Lau (HAV)
11. Matt Wilkinson (AUS) x Jeremy Flores (FRA) x Willian Cardoso (BRA)
12. Kolohe Andino (EUA) x Frederico Morais (PRT) x Michael Rodrigues (BRA)

Por globoesporte.globo.com