Mais inovações marcam lançamento do World Surf League Championship Tour 2018

Filipe Toledo of Brazil surfing at the Future Classic in Lemoore, CA, USA
Filipe Toledo no Surf Ranch (Foto: Sean Rowland – WSL)
By João Carvalho

A World Surf League (WSL) anuncia mais inovações e novos parceiros para a divulgação da temporada 2018 do Championship Tour (CT). A WSL está fazendo grandes investimentos para apresentar os melhores surfistas do mundo competindo nas melhores ondas do mundo, para o Championship Tour deste ano e dos próximos também.

“Nossa equipe trabalhou duro na baixa temporada com o objetivo comum de continuar a aumentar a visibilidade do surfe no mundo”, disse Sophie Goldschmidt, CEO da WSL. “Estamos orgulhosos por receber grandes parceiros para a família WSL e novos espectadores em todo o mundo. Estamos entusiasmados em capitalizar novas inovações para oferecer a melhor experiência possível para o surfe profissional”.

Filipe Toledo no Surf Ranch (Foto: Sean Rowland – WSL)
Publicidade

A Liga está entusiasmada em contar com novos parceiros oficiais para a família WSL em 2018, como a Lifeproof nos Estados Unidos e Austrália, Boost Mobile na Austrália e da Michelob ULTRA apresentando a primeira Founders´ Cup of Surfing na piscina de ondas do Surf Ranch na Califórnia e planejando anunciar novidades nas próximas semanas.

No início deste ano, a WSL anunciou uma parceria inovadora com o Facebook, de exclusividade para a transmissão ao vivo dos principais eventos de 2018 e 2019 na mídia digital, incluindo todas as etapas do Championship Tour masculino e feminino, assim como os eventos com status QS 10000 do WSL Qualifying Series, do Big Wave Tour e do World Junior Championships.

Como parte da parceria, os fãs do mundo inteiro podem esperar muitas inovações na transmissão pelo Facebook LIVE, com mais interatividade com os comentaristas da WSL através do Facebook Watch. Entre elas, a grande novidade é que pela primeira vez as etapas também terão transmissão em espanhol, juntamente com o inglês e o português, que já existiam.

Além da nova parceria com o Facebook, a WSL renovou os direitos de transmissão com canais de televisão dos seus principais mercados no mundo, Estados Unidos, Brasil, Austrália, França, Portugal e Japão. A transmissão ao vivo da temporada 2018 pela TV vai chegar nos lares de mais de 100 países, através dos novos e atuais parceiros de mídia da WSL.

FÃS EM PRIMEIRO LUGAR

A transmissão ao vivo do WSL CT este ano apresentará uma série de novos aprimoramentos e inovações. Com o objetivo de trazer os fãs para se sentirem o mais próximo possível da ação, os aprimoramentos procurarão oferecer conteudos únicos e exclusivos sobre o surf profissional.

Serão destacados os atletas, lendas do esporte e personagens únicos em primeira mão, com os fãs podendo dar seu feedback no painel de comentários. Os espectadores poderão ver os surfistas com o time de comentaristas, ou na área VIP de cada evento dando suas opiniões e perspectivas sobre a competição, com eles podendo até ouvir os check-ins diários dos juízes, fornecendo mais visibilidade e transparência para os fãs.

A WSL também vai apresentar este ano o “Course Maps” através da parceria com o “Virtual Eye”. O recurso “Course Maps” mostrará gráficos animados de cada parada do Tour, não apenas a localização mas também a dinâmica que cada praia tem para produzir algumas das melhores ondas do mundo. Além desta atualização, os fãs poderão acessar gráficos com dados de GPS, como velocidade dos surfistas nas ondas, altura dos aéreos e o tempo dentro de um tubo durante as transmissões ao vivo. Os comentaristas também usarão essa ferramenta para fornecer informações mais profundas da ação competitiva para o público.

Com o objetivo de tornar o surf mais acessível ao público, a WSL está prestes a oferecer uma campanha de uma temporada para educar e desmistificar alguns dos elementos mais técnicos e complexos do esporte, através de todos os canais WSL, com dez iniciativas. Os atletas contarão tudo sobre o que torna esse esporte extraordinário tão especial.

NOVIDADES NO TOUR

O calendário do CT 2018 inclui novas locações, com o Surf Ranch em Lemoore, Califórnia, e Keramas em Bali, Indonésia. O CT feminino também terá novidade, uma etapa junto com o masculino em Jeffreys Bay, na África do Sul, onde somente os homens competiam até o ano passado.

Pela primeira vez, uma etapa do Championship Tour será disputada numa piscina com ondas artificiais com classe internacional. Com a tecnologia projetada por Kelly Slater, teremos tipo um estádio de surfe que poderá ser assistido de perto por milhares de fãs no Surf Ranch em Leemore. Outra grande novidade é o evento especial por equipes, a Founders´ Cup of Surfing, que acontecerá em maio e será perfeito para a transmissão ao vivo para o mundo inteiro.

O WSL Championship Tour deste ano também terá uma mudança importante no formato da competição, com a eliminação da quinta fase masculina e da quarta fase feminina, que eram a segunda repescagem nas etapas, ou a segunda chance de passar para as quartas de final. Na rodada de baterias formadas por três competidores, agora o primeiro e segundo colocados de cada avançam para as quartas de final e o terceiro é eliminado em nono lugar no evento.

O formato “overlapping”, com duas baterias sendo disputadas simultaneamente quando as condições do mar permitirem, que era permitido ser utilizado somente em Pipeline no Havaí, Bells Beach na Austrália e Jeffreys Bay na África do Sul, também poderá ser aplicado nas etapas da Gold Coast na Austrália e Hossegor na França.

Com o foco na melhoria da experiência competitiva e para os fãs, essas mudanças ajudam a diminuir a duração dos eventos e garantem que os atletas possam competir nas melhores ondas possíveis.

OLHANDO PARA AS OLIMPIADAS DE TOKYO 2020

Com o novo formato de competição por equipes que será utilizado na primeira Founders´ Cup pf Surfing em maio no Surf Ranch, a WSL visa já ir preparando seus fãs para torcerem para os seus times, ou seus países, visando a primeira inclusão do surf nas Olimpíadas de 2020 no Japão.

Liderado pelos campeões mundiais, John John Florence (HAV) e Tyler Wright (AUS), a primeira etapa do WSL Championship Tour 2018 será o Quiksilver & Roxy Pro Gold Coast na Austrália, de 11 a 22 de março. Os fãs poderão experimentar todos os novos recursos da transmissão ao vivo via www.worldsurfleague.com ou pelo Facebook Live e pelo aplicativo WSL e aqui no Brasil todas as etapas do CT também serão transmitidas ao vivo pela TV, com exclusividade pelo canal ESPN+.

Para mais informações, acesse o WorldSurfLeague.com.

————————————————————

Dave Prodan – SVP of Global Brand Identity

+1 (805) 758-5586 – dprodan@worldsurfleague.com

Chloe Kojima – Communications Manager

+1 (310) 386-9181 – ckojima@worldsurfleague.com

————————————————————

SOBRE A WORLD SURF LEAGUE – A World Surf League (WSL) tem como objetivo celebrar o melhor surfe do mundo nas melhores ondas do mundo, através das melhores plataformas de audiência. A Liga Mundial de Surf, com sede em Santa Mônica, na Califórnia, atua em todo o globo terrestre, com escritórios regionais na Austrália, África, América do Norte, América do Sul, Havaí, Europa e Japão.

A WSL vem realizando os melhores campeonatos do mundo desde 1976, realizando mais de 180 eventos globais que definem os campeões mundiais masculino e feminino no Championship Tour, além do Big Wave Tour, Qualifying Series e das categorias Junior e Longboard, bem como o WSL Big Wave Awards. A Liga tem especial atenção para a rica herança do esporte, promovendo a progressão, inovação e desempenho nos mais altos níveis, para coroar os campeões de todas as divisões do Circuito Mundial.

Os principais campeonatos de surf do mundo são transmitidos ao vivo pelo www.worldsurfleague.com e pelo aplicativo grátis WSL app. A WSL tem uma enorme legião de fãs apaixonados pelo surf em todo o mundo, que acompanham ao vivo as apresentações de grandes estrelas, como Tyler Wright, John John Florence, Paige Alms, Kai Lenny, Taylor Jensesn, Honolua Blomfield, Mick Fanning, Stephanie Gilmore, Kelly Slater, Carissa Moore, Gabriel Medina, Courtney Conlogue, entre outros, competindo no campo de jogo mais imprevisível e dinâmico entre todos os esportes no mundo.

Para mais informações, visite o WorldSurfLeague.com.

———————————————————–

João Carvalho – WSL South America Media Manager

(48) 999-882-986 – jcarvalho@worldsurfleague.com