Lucas Vicente disputa etapas do QS

Lucas Vicente, um dos destaques da nova geração do surf brasileiro. Foto: Divulgação.

Um dos expoentes da nova geração do surf brasileiro parte para mais dois eventos internacionais da carreira após vice-campeonato na África do Sul e batalha vaga em Mundial da ISA nas etapas do Brasileiro, que servem de seletiva.

Publicidade

Para quem quer chegar um dia na elite do surf mundial, competir nunca é demais. E pensando nesse “vestibular” do futuro, Lucas Vicente fará um intensivão de surf nas próximas semanas, disputando quatro competições em sequência, duas dessas integrantes do calendário do QS, o último degrau antes do topo.

O primeiro desafio foi a segunda etapa do Campeonato Brasileiro nas ondas de Baía de Maracaípe, em Ipojuca, Pernambuco. De lá, o surfista catarinense seguiu rumo ao próximo na praia de San Bartolo em Lima, Peru, palco do QS1000 que rola esta semana, entre os dias 13 e 15 de julho.

O surfista voando durante seus treinos. Foto: Reprodução Facebook/@danilorodrigues__

Logo em seguida, Lucas vai para a praia de Arica na Península del Alacrán, Chile, para o Arica Pro Tour, torneio que vale 3000 pontos ao vencedor no ranking do QS entre os dias 17 e 23, também de julho. Para finalizar, o surfista encerra a maratona com a terceira etapa do Brasileiro no fim do mês, entre 25 a 27, na praia de Maresias, litoral norte de São Paulo.

Lucas no pódio na África do Sul. Foto: Divulgação.Lucas no pódio na África do Sul. Foto: Divulgação.

Além da importância de competir no QS, Lucas corre as etapas do Brasileiro de olho em uma vaga no Mundial da ISA, que acontece entre os dias 23 de setembro e 01 de outubro em Hyuga, Japão, já que a competição nacional serve de seletiva para o evento.

“Esta é uma boa forma de curtir as férias de julho, disputando torneios quase todos os dias e eventos de extrema importância para mim nesta temporada. Estou focado e quero aproveitar essa boa fase que trago da África do Sul, onde fui vice-campeão na etapa do Pro Junior em Durban, para conseguir resultados ainda melhores, de preferência quatro vitórias!“, falou Lucas, que vem realizando sonhos este ano.

O surfista catarinense completa: “Competir etapas internacionais com frequência já é um sonho sendo realizado, mas vou guardar com carinho a primeira vez que surfei as ondas de J-Bay, palco da próxima etapa da WSL, na semana passada ao lado do Yago Dora e do Lucas Silveira. Foram momentos incríveis e muito felizes. É com essa energia positiva que eu parto pra essa maratona.”

O catarinense pela primeira vez nas ondas de J-Bay. Foto: Maarten Van der Velde.

Fonte surfar.com.br