Caio Ibelli volta para os treinos

Ibelli com Maya Gabeira e sua namorada Alessa Quizon no California Onboard. Foto: globoesporte.com
O surfista paulista volta a surfar depois de cinco semanas afastado por causa de lesão no tornozelo direito, que o deixou de fora da etapa de Fiji.

Caio Ibelli teve que acompanhar as disputas da quinta parada do Tour pela televisão. Às vésperas da competição, Ibelli rompeu o ligamento do tornozelo direito durante uma viagem para El Salvador, que acabou deixando ele de fora da etapa de Fiji. Mas após cinco semanas de tratamento e muita fisioterapia, o atleta voltou às ondas em Oceanside, na Califórnia, onde mora há cinco anos.

Publicidade

“Essa foi a primeira onda que eu consegui pegar depois da minha lesão. Consegui surfar quase igual ao que surfo normalmente. Não senti muita dor, surfei a onda até a beira e ainda tinha a namorada ali para dar mais emoção. Foi ótimo”, contou o atleta paulista durante o programa #CaliforniaOnboard.

Em 2016, Caio Ibelli estreou na elite do surf mundial e não decepcionou, já recebendo o título de Rockie of the Year, prêmio dado ao melhor estreante do circuito. Este ano, Ibelli vinha brigando para se manter entre os dez primeiro do ranking após o vice em Bells Beach.

Caio Ibelli Com o troféu de vice campeão. Foto: Cestari/ WSL.

“Eu estava esperando essa etapa, me preparando há muito tempo para ir. Estava em oitavo no ranking, e, por não ter ido pra Fiji, caí para 15º. Agora eu vou ter de começar de novo, mas em tour eu estarei de volta”, falou o brasileiro, confiante para a próxima etapa do Mundial que vai acontecer nas direitas de de Jeffreys Bay entre de 12 a 23 de julho.

Ibelli em Saquarema durante o Rio Pro, última etapa do Tour que disputou. Foto: Poullenot/WSL.

Fonte: globoesporte.globo.com