Bruno Fontes conquista a Copa Brasil de Vela e a vaga na equipe olímpica

Velejador do Iate Clube de Santa Catarina comemorou a vitória após campanha irretocável em Ilhabela. Próximo desafio será em Miami, no mês de janeiro – Fotos: Ana Catarina Photo

Bruno Fontes comemorou nesse final de semana a conquista da Copa Brasil de Vela, torneio que definiu a equipe olímpica brasileira para a temporada 2018. Velejando com maestria durante toda semana o experiente atleta do Iate Clube de Santa Catarina venceu sete das onze regatas disputadas e ao final, com apenas 11 pontos perdidos, conseguiu manter a vantagem construída ao longo dos cinco dias de campeonato em Ilhabela, litoral de São Paulo.

Publicidade

“Essa vitória serve para provar o meu valor. Depois que perdi a edição passada da Copa Brasil em situações onde não consegui velejar bem, dei uma parada para refletir e ajustar o que precisava. Ainda tenho muito gás para queimar e estou motivado para mais uma participação em Jogos Olímpicos”, disse Bruno, que já competiu nas Olimpíadas de Pequim 2008 e Londres 2012.

A vitória na competição rende a Bruno Fontes um lugar na equipe brasileira olímpica de 2018 e aumenta as chances do velejador em participar de mais uma Olimpíada, dessa vez em Tóquio 2020. “Com certeza esse é meu principal objetivo para os próximos três anos. Entrei de vez no ciclo e agora é continuar mantendo a consistência, treinando forte e participando das principais competições ao longo do ano, sempre buscando bons resultados”, afirma.

E o próximo compromisso já é um destino bem conhecido por Bruno. De 21 a 28 de janeiro o velejador participa da World Cup Series Miami, nos Estados Unidos. Segundo colocado no evento em 2012, Bruno soma oito participações na competição e em sete delas chegou à disputa da Medal Race. “Miami é um lugar que reserva sempre boas velejadas para mim e será um desafio e tanto para o início da próxima temporada”, reflete.

Classificação final:
1º Bruno Fontes (ICSC) – 11 pontos perdidos
2º João Pedro Oliveira (ICRJ/MB) – 18pp
3º Philipp Grochtmann (VDS) – 29p
4º– Stephan Kunath (YCSA) – 35pp
5º Gustavo Nascimento (ICRJ) – 41pp
6º Ricardo Bittencourt (ICRJ) – 43pp
7º Alex Veeren (ICSC) – 44pp
8º Rafael Chaves (EVMSS) – 71pp
9º Caio Lopes (EVI) – 84pp
10º Eduardo Guimarães (YCP) – 99pp

CAMPEÕES DA V COPA BRASIL DE VELA 2017
470 masculino – Geison Mendes e Gustavo Thiesen, 9 pontos perdidos
470 feminino – Fernanda Oliveira e Ana Barbachan, 25 pontos perdidos
Finn – Jorge Zarif, 9 pontos perdidos
Laser Radial Feminino – Gabriela Kidd, 38 pontos perdidos
Laser – Bruno Fontes, 11 pontos perdidos
49er – Carlos Robles e Marco Grael, 12 pontos perdidos
RS:X masculina – Gabriel Pereira, 16 pontos perdidos
RS:X feminina – Patrícia Freitas, 39 pontos perdidos
Kitesurfe Foil – Bruno Ferreira, 10 pontos perdidos
Kitesurfe Tubular – Bruno Lima, 11 pontos perdidos
29er (Vela Jovem) – Matheus de Azevedo e Leo Accioly, 13 pontos perdidos
Snipe – Matheus Oliveira e Raphael Carballo, 8 pontos perdidos
Laser Radial masculino – Leonardo Motta, 18 pontos perdidos
Optimist – Mario de Carvalho (Veterano Juvenil), 4 pontos perdidos

Mais informações: http://copabrasildevela.cbvela.org.br

O velejador Bruno Fontes conta com o apoio da Marinha do Brasil, Iate Clube de Santa Catarina, CBVela e COB – Comitê Olímpico Brasileiro.

Informações para imprensa – SixComm Comunicação Social
Danilo Caboclo – danilo@gruposix.com.br – 48 9.9177-8099