Alexandre Ferraz fecha temporada na Cacimba do Padre

Xandinho confere condições e se dá bem no adeus às ondas em Fernando de Noronha (Foto: Marcelo Freire)

Em Noronha, Alexandre Ferraz encara últimas ondulações da temporada na Cacimba do Padre

No finzinho do período de tubos e grande ondas, surfista de ondas gigantes aproveita restinho das que apareceram no arquipélago pernambucano

 Xandinho confere condições e se dá bem no adeus às ondas em Fernando de Noronha (Foto: Arquivo pessoal)

Os três primeiros meses do ano para o surfista Alexandre Ferraz foram intensos. E terminou com o “adeus” à temporada de tubos de Fernando de Noronha. No arquipélado pernambucano, na Praia da Cacimba do Padre, pegou boas ondas, que marcaram o fim do período de condições perfeitas para a prática do esporte, que ocorre, todos os anos, entre novembro e março.

Antes, o big rider – como são chamados os especialistas em condições extremas – visitou as ondas da Urca do Minhoto, no Rio Grande do Norte.

Publicidade

– Assim que encerramos a missão da Urca, senti a necessidade de ir para Fernando de Noronha para pegar os tubos da Cacimba do Padre. E, mesmo não estando a Cacimba gigante, deu para fazer a cabeça e cumprir mais uma etapa da meta que me propus para este ano.

 Xandinho confere condições e se dá bem no adeus às ondas em Fernando de Noronha (Foto: MIchele Roth)

 Xandinho confere condições e se dá bem no adeus às ondas em Fernando de Noronha (Foto: Marcelo Freire) Xandinho confere condições e se dá bem no adeus às ondas em Fernando de Noronha (Foto: Marcelo Freire) Xandinho confere condições e se dá bem no adeus às ondas em Fernando de Noronha (Foto: Marcelo Freire) Xandinho confere condições e se dá bem no adeus às ondas em Fernando de Noronha (Foto: Marcelo Freire) Xandinho confere condições e se dá bem no adeus às ondas em Fernando de Noronha (Foto: Arquivo pessoal)

Xandinho, como é conhecido no meio do surfe, tem outros planos para 2018. Um deles, inédito na carreira dele. A intenção é passar um período em Bali, na Indonésia, onde pretende correr atrás de todo tipo de onda: perfeitas, tubulares e grandes.

É um sonho viajar para Bali. E vou trabalhar para que esse sonho vire realidade. Depois disso, como a ideia é ir para lá perto do fim do ano, vou estar preparado para, quem sabe, voltar para o Havaí e finalizar a temporada com chave de ouro.

Vale lembrar, Xandinho foi um dos destaques na Urca do Minhoto, onda que quebra a 30 km do litoral do Rio Grande do Norte, a partir da praia de Caiçara do Norte. Na Cacimba do Padre, a disposição foi a mesma. Como se vê nas imagens feitas na famosa praia de Fernando de Noronha, registradas pelos fotógrafos Michele Roth e Marcelo Freire.

Por globoesporte.globo.com