A conquista que falta no WT

Será o Felipinho!? Foto Divulgação

Das atuais etapas do World Tour da WSL, a de Trestles é a única que nunca foi vencida por um brasileiro.

Publicidade

Na Gold Coast, já deu Gabriel Medina em 2014 e Filipe Toledo em 2015.

Mineiro tocou o sino em 2013 e foi campeão em Margaret River em 2015.

Na etapa caseira a lista é grande, oito brasileiros diferentes levantaram o troféu em nove ocasiões desde 1976 (quatro deles depois de 1992, no formato WT).

Em Fiji, Medina foi campeão em 2014 e 2016.

Filipe Toledo quebrou o tabu este ano em Jeffrey’s Bay.

Em Teahupoo, deu Bruno Santos em 2008 e Medina em 2014.

Trestles ainda falta. Mineiro bateu na trave em 2015.

Na França a lista também é grande, sete conquistas no total, sendo três delas no período WT: Neco Padaratz (2002) e Medina (2011 e 2015).

Portugal teve vitórias de Adriano de Souza em 2011 e de Felipe Toledo em 2015.

E em Pipeline deu Mineiro em 2015.

Detalhe que, pelo QS, três brasileiros já venceram eventos importantes em Trestles: Toledo em 2015, Medina em 2012 e Miguel Pupo em 2011.

A etapa de Trestles, próxima do WT, acontece de 6 a 17 de setembro.

Por Gustavo Cabral Vaz/ datasurfe.com.br