UNI Surf fez história mais uma vez na Barra da Tijuca

Uni Surf 2017. Foto: Patrick Villaça.

Nesse sábado, dia 09 de dezembro, o UNI Surf fez história mais uma vez. Esse ano o campeonato aconteceu no Postinho da Barra da Tijuca, ao invés do Posto 3 onde geralmente acontece, por causa das condições do mar. E a diversão foi forte!

Publicidade

A previsão, que indicava chuva, errou feio e o sol trouxe aquele brilho incrível durante o dia todo, deixando o evento ainda mais perfeito! Na parte da manhã o mar estava liso e com altas ondas, garantindo a diversão e a performance dos surfistas.

Thomas Smith, foi o grande campeão de 2017. No Confronto Universitário o time PUC 1 estava mais entrosado e superou as outras equipes. Já na categoria feminina, mesmo nas difíceis condições que o mar apresentou na parte da tarde quando rolaram as finais, as meninas não se intimidaram e Andreza Ramos levou o primeiro lugar.

A equipe Arnette esteve presente no evento com os atletas Felipe Cesarano, Eric de Souza, Ian Cosenza, Gabriel Adisaka e Stanley Cieslik, e ofereceu o BIG SUP. Este que se transformou numa verdadeira competição, premiando os vencedores do desafio com direito a pódio e tudo. Apesar da rivalidade, o desafio arrancou boas risadas das equipes e do público. A equipe “Tsunami Crew” liderada pelo big rider Felipe Cesarano foi a vencedora pelo 2º ano consecutivo.

Equipes do Big Sup. Foto: Patrick Villaça.
Equipes do Big Sup. Foto: Patrick Villaça.

O desafio de HANDPLANE também foi muito disputado entre os 10 participantes e quem levou a melhor no surf de peito foi Pedro Matos. Já na prova de remada Phantom Race, Wayan Nicolas disparou na frente dos adversários e chegou com folga na areia garantindo sua bermuda nova da Hurley.

No slackline, quem voou mais alto no pódio foi Eduardo Queiroz, que prendeu a atenção da galera que passava com suas manobras impressionantes.

Uni Surf 2017. Foto: Patrick Villaça.
Uni Surf 2017. Foto: Patrick Villaça.

Na altinha a galera deu show de bola no ar. Numa disputa acirradíssima com centésimos de diferença entre o 1º e o 2º lugar, quem ficou mais alto do pódio foi a equipe EM ALTA.

Tivemos também o Hurley Surf Club. Uma “clínica” de surf comandada pelo atleta profissional da Hurley Biel Garcia, onde os surfistas receberam dicas antes de entrar na água. Todas as ondas foram filmadas e após o treino os surfistas assistiram suas ondas e receberam as dicas do Biel Garcia para melhorar a performance dentro d’água.

Mas para tudo isso acontecer é preciso de energia e para felicidade e surpresa da galera, a VEZPA Pizzas e a cerveja Praya regaram o público com pizzas e muito chopp!

Uni Surf 2017. Foto: Ana Catarina.
Uni Surf 2017. Foto: Ana Catarina.

Enquanto tudo isso rolava, nossa DJ Yasmin, soltou o som inspirando os competidores e animando quem curtia o dia na praia. E fechando com chave de ouro, os shows das bandas Seu Oscar, Theozin e Fuze completaram a vibe da galera no fim de tarde.

Confira abaixo os pódios:

SURFE MASCULINO
1.    Thomas Smith
2.    Maurício de Castro
3.    Ian Vaz
4.    Guilherme Carvalho Montes

SURFE FEMININO
1.    Andreza Ramos
2.    Monika Takaki
3.    Jessica Biot
4.    Nicole Nick

TAG TEAM – CONFRONTO UNIVERSITÁRIO

1.    PUC 1
Gustavo Kemp
Thomas Metsavat
Ian vaz
Carlos Tomaz

ALTINHA

1.    EM ALTA
Gabriel de Castro
Leandro Mesquita
Fernanda McComb
Thea Farre

2.    CAI NÃO
Jessica Biot
Lucas Espósito
Daniel Calazans
Natasha Eyer

SLACKLINE
1.    Eduardo Queiroz
2.    Armando “Manobrinha”
3.    Eduardo Loja
4.    Alexandre Loja

BIG SUP
1.    TSUNAMI CREW – CESARANO
2.    TEAM COSENZA

HANDPLANE
1.    Pedro Matos
2.    Guilherme Carvalho Montes
3.    Pedro Carraro
4.    John Many

O PUC SURF 2017 está em sua 14ª edição e conta com o patrocínio da Hurley, lojas WQSurf. Apoio: Óculos Arnette, Vezpa Pizzas, NAOA handplanes e cerveja Praya. Agredecimentos: Protetor solar Shock. Apoio de Mídia: Canal Off, Ricosurf e Zicatela Filmes. Realização: Kauza Marketing.

Por Jessica Biot