Maurício Orelhinha participa da 2ª etapa do Vicentino

Orelhinha, Vicentino 2018 Master. Foto Dinho Fotos

Maurício Orelhinha, das poderosas ondas havaianas para a 2ª etapa do Vicentino de Surf 2019

Acostumado com as poderosas ondas havaianas desde os anos de 1976, Maurício de Oliveira Kuhne, o Maurício “Orelhinha”, atualmente com 58 anos, local de São Vicente, mas com estadia fixa no Hawaii, retorna ao Brasil mais uma vez para passear e participar da segunda etapa do Circuito SurfnaCozinha de Surf Vicentino 2019, apresentado pela Lines SurfShop, realizado pela Associação de São Vicente de Surf -ASVS e homologado pela Federação Paulista de Surf.

Foto Arquivo Pessoal

Publicidade

Foto Arquivo Pessoal

O evento está previsto para acontecer entre os dias 31 de Agosto e 1º de Setembro, na Praia do Itararé, em São Vicente. Orelhinha está inscrito na nova categoria do Circuito, destaque deste ano, Kahuna, para sufistas acima dos 45 anos.

“Muito animado com a inclusão da categoria Kahuna. Uma categoria que traz para nós, veteranos do esporte, boas lembranças das épocas de competições. Eu também fico orgulhoso e feliz em ver que o surfe de São Vicente está em boas mãos. Estou numa torcida para que entrem boas ondas e todos mostrem seu potencial na água e, por fim, muito feliz de estar na minha cidade e rever meus bons e velhos amigos. Aloha”, disse Maurício, que teve seus melhores resultados no surfe na década de 80.

Maurício Orelhinha no Hawaii Foto arquivo pessoal

“Em 1984, venci o Festival Nacional de Ubatuba, realizado na praia de Itamambuca. Na semana anterior fiz a final do Festival Brasileiro de Surf, evento vencido pelo Taiu Bueno, onde terminei em quarto lugar”, relata o surfista que desde 1991, juntamente com a sua esposa, criou raízes em Oahu, no Havaí.

Antes de 80, Orelhinha tinha participado do campeonato Quebra Mar Inverno 77, onde reuniu ícones do surfe brasileiro e terminou em 3º lugar atrás do Almir Salazar – primeiro campeão nacional profissional de Portugal -, que na ocasião foi o campeão do evento e Cisco Araña ficou com a segunda colocação.

Seu primeiro contato com o surfe foi incentivado pelo pai e com uma prancha de isopor. Mas, não demorou muito para começar a despontar nos eventos locais de surfe. “Minha prancha de verdade eu ganhei aos 11 anos, produzida pelo saudoso Nelson Excel, grande surfista e fabricante de pranchas na época.

Com alguns campeonatos acontecendo logo me envolvi e peguei gosto pelas competições, adquirindo experiências e, não demorou muito para conquistar o apoio dos irmãos Argento, proprietários das pranchas e produtos Twin”, relembra. A Twin foi a primeira surf shop do Brasil.

As inscrições para a segunda etapa do Circuito SurfnaCozinha de Surf Vicentino 2019 se encerraram no último sábado, dia 24.

Destaques da 1ª etapa

No primeiro confronto do Circuito SurfnaCozinha de Surf Vicentino 2019, ocorrido em maio, o surfista profissional Antony Silva venceu a categoria principal, Pro/AM, com nota máxima. Aos 29 anos, Antony liderou a final da Pro/Am do início ao fim, acertou dois aéreos e apresentou um arsenal de manobras precisas.

Na categoria Longboard o grande campeão foi o surfista do Guarujá, André Mikimba; na categoria Mirim, Renan Rodrigues, de São Vicente; no Stand UP, Leonardo Gimenes, de São Vicente; na categoria Feminina a atleta da Praia Grande, Kemilly Sampaio; na categoria Estreante o surfista da Praia Grande, Thiago Doncev; a Petit ficou com o atleta de Santos, Derek Silva; na Iniciante, o atleta de Santos Robertinho Alves, teve destaque; na Jurnior, Vinicius Parra, de Santos; na categoria Kahuna, Zé Paulo, de São Sebastião; a Master foi vencida pelo atleta vicentino Ricardo Mello.

Os campeões de cada categoria acumularam 1000 pontos e chegam mais tranquilos para a segunda etapa.

Apresentação: Lines Surf Shop.
Patrocínio: SurfnaCozinha.
Realização: Associação São Vicente de Surf (ASVS).
Parceria: Secretaria de Esportes e Prefeitura Municipal de São Vicente.
Supervisão: Federação Paulista de Surf – FPS
Co-patrocínio: O’Neill, Natural Art, Rubber Sticky, Stone Head, C-Four e Metalnox.

Apoios: Criative Session, M.A.G.,Portal do Sol, Surferia, S.A.M. Surfboards, Menehhune Beach Wear, Melin Shape Desing, Rolling Pranchas de Surf, Mota Surfboard, MS Surfboards, Surfins, Rip Tide Surfboards, Classic Longboards, Fu Wax, Terraço Chopp, Cacau Center, Mega Sorte Loterias, Ymage Impressão Digitais, Mendes Odontologia, O Pastelão, BIG Frio, CRS Comunicação.

Por Charles Roberto/ innersport.com.br

Galeria de Imagens