Louisie Frumento e Carol Bonelli seguem confiantes para o QS no Rio de Janeiro

Carol Bonelli e Louisie Frumento. Foto Divulgação FMA Notícias

Depois de boas apresentações no RDS Pro Jr. em Santa Catarina, as surfistas do Instituto Gabriel Medina (IGM), Louisie Frumento e Carol Bonelli, seguem direto para mais uma importante competição profissional. A partir de sexta-feira (20), elas disputam o Neutrox Weekend, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, novamente categoria pro-júnior e também na etapa QS 1500, válida pelo WSL Qualifying Series e pelo ranking sul-americano profissional da WSL South America.

Publicidade

Será o segundo QS que participam na temporada. A estreia foi em Mar Del Plata, na Argentina. Acompanhadas do técnico Alexsandro Abolição, as duas viajaram mais uma vez com a Avianca, transportadora oficial do IGM, e chegam animadas e confiantes em boas atuações, para ganharem experiência para o futuro.

Terceira colocada no ranking sul-americano pro-júnior, Louisie ficou a apenas uma vitória de se classificar para o Mundial sub18 da WSL, sendo superada apenas pela peruana Sol Aguirre, campeã do evento. Ela usará a boa performance como “combustível” para seguir em busca de mais uma colocação de destaque.

“O resultado no Pro Jr me deixou mais instigada para as próximas competições. No outro QS não fiz um bom resultado e espero me sair melhor. Nunca surfei na Barra e vai ser uma experiência e tanto, além de ter a categoria pro júnior, que estou mais ansiosa ainda para competir”, fala Louisie, que é de Guarujá.

Carol, que é de Saquarema, reforça o otimismo para as disputas no Rio. Em Santa Catarina, ela foi a quinta colocada. “O QS é um campeonato muito importante. É a porta de entrada para todo surfista que pretende entrar na elite mundial do surf e quero estar preparada. Será meu segundo QS e a expectativa sempre é grande, mas foco no objetivo de fazer o meu surf avançando nas baterias. É um campeonato irado e com um nível sempre alto”, comenta.

Louisie e Carol também destacam a boa preparação que estão tendo com os treinos no IGM, na Praia de Maresias. “O IGM está me ajudando 100% nessa minha nova jornada nas etapas do QS e do pro júnior, com treinos e técnicos, e também o suporte para viajar e permanecer nas competições. Sou muito grata pelo trabalho que eles fazem comigo”, relata Louisie, que ficou muito próxima da final em SC. “É nítida a minha evolução e fico cada vez mais animada. Minha família também está feliz. O Leco (técnico) faz um trabalho impecável comigo”, elogia.

“Treinamos no IGM sempre focando os campeonatos, fazemos baterias com prioridade e o tempo determinado, sempre procurando a melhor estratégia, e isso é fundamental, principalmente quando vamos participar de um evento como esse. Já aprendemos a lidar com as regras de uma competição no dia a dia”, acrescenta Carol, que está emendando uma disputa importante na outra.

Em setembro, ela representou o Brasil no Mundial Júnior da ISA, no Japão. “Tive a oportunidade de competir com atletas de 40 países, além de traçar novas estratégias e crescer emocionalmente. Acredito que a cada bateria que participo mais eu aprendo”, completa.

Fotos Divulgação/ FMA Notícias

Por Fábio Maradei/ FMA Notícias

CONECTE-SE COM O INSTITUTO GABRIEL MEDINA:

 www.institutogm10.com.br

www.facebook.com/institutoGM10

www.instagram.com/institutogm10

www.twitter.com/institutogm10

www.flickr.com/photos/gabrielmedina10

www. youtube.com/institutogabrielmedina