Kias de Souza é outro destaque no Fico Surf Festival

Kias de Souza. Foto: Silvia Winik

O PRIMEIRO CAMPEÃO PAULISTA DE SURF AMADOR FOI ATLETA DA EQUIPE DA MARCA NA DÉCADA DE 80 E COMENTA A SATISFAÇÃO EM COMPETIR NO EVENTO 

Fico e Kias. Foto: Fábio Maradei
Publicidade

Depois de 30 anos o Fico Surf Festival está voltando. O histórico campeonato realizado em Salvador em 1987, 88 e 89, foi uma dos alicerces para a criação do Circuito Brasileiro Profissional e agora será realizado em Guarujá, com uma nova proposta, a de uma grande confraternização entre gerações. O evento na Praia do Tombo nesta sexta-feira até domingo (de 30 a 1o de abril) terá desde os legends, surfando de pranchinha e de longboard, até a base, do sub10 ao sub16.

Na master, estarão nomes que estiveram na festa na Bahia no final da década de 80 e até hoje seguem competindo, agora de forma mais participativa, mas sem deixar a vontade de vencer de lado. Dentre eles, um que tem total ligação com essa história: Kias de Souza. Na época dos festivais, ele já era atleta da marca e hoje tem a chance de rever seu antigo patrocinador, atuando “em casa”.

Aos 51 anos, o primeiro campeão paulista de surf amador, feito de 1986, lembra com carinho da época que era patrocinado pela Fico e disputou os festivais. “Eu já era da equipe e participei de todos. Foi um sucesso. Lembro da multidão na praia, assistindo o campeonato”, destaca o atleta nascido na Bahia, mas que se mudou para Santos antes dos dois anos e desde 1978 escolheu Guarujá para morar.

Para ele, voltar a competir no Fico Surf Festival será uma emoção especial, pela homenagem ao empresário Raphael Levy, o Fico, para reencontrar amigos. “Vai ser legal. Competir como master é muito gostoso, uma adrenalina, a vontade de fazer a onda boa. Isso motiva a gente. Se parar, envelhece”, argumenta Kias, adiantando que as disputas serão levadas a sério, com grandes rivais, como o amigo Jojó de Olivença, por exemplo.

“Vai ser bem difícil. Tem muito master que está no rip. Vai ser complicado. Nível forte”, fala o surfista, também enaltecendo o empresário e o amigo Raphael Levy. “Eu amo o Fico. Uma pessoa sensacional. Se eu tive alguma projeção como surfista foi graças a ele. Tenho total reconhecimento que se eu tenho imagem como surfista foi o Fico quem fez”, cita.

Kias também lembra Fico como empresário e seu caráter empreendedor. “Me levou para todas as competições, fez anúncios comigo. Tinha um monte de surfistas aqui no Guarujá muito bons, com o mesmo nível que eu e ninguém conhece. Deus usou a vida do Fico para me ajudar”, complementa o sempre sorridente Kias, que segue competindo na master, sobretudo em casa, no Guarujaense de Surf.

Estarão em ação no Fico Surf Festival oito categorias. Além da master (acima dos 40 anos), onde Kias é um dos destaques, o evento terá disputas na longboard (também dos 40 anos em diante), petit (sub10), estreante (sub12), iniciante (sub14), mirim (sub16), feminina e a novidade no evento, a Pais e Filhos. A competição terá transmissão ao vivo pela internet pelos sites da Fico –www.fico.com.br e da Federação Paulista de Surf – www.fpsurf.com.br.

Outra grande atração será a homenagem a personagens que ajudaram a promover o surf brasileiro, na sexta-feira, ao meio-dia. Na mesma ocasião será lançada a candidatura da Praia do Tombo à chancela da World Surfing Reserves. Em paralelo ao surf, o evento contará com várias atividades na areia para os participantes e o público, como alongamento, com a professora Jacqueline Zedan Chehad, aulas de Muay Thai, com o mestre Tato Barros, da equipe Chute Boxe São Paulo.

Também oficinas de Futevôlei, com o jogador Tang, e de slackline ecológico, com a equipe Guarujá Radical. “Na sexta-feira o escultor e artista plástico Jair Damasceno estará na praia demonstrando seu trabalho com esculturas de areia. Teremos uma programação para entreter a galera”, afirma o gerente de marketing da Fico, Augusto Saldanha.

O Fico Surf Festival 2018 tem apresentação de Grupo Lunelli, com patrocínios da Nivana Turismo, Casa Grande Hotel, Sucos Do Bem e Montevérgine. Apoios da Prefeitura Municipal de Guarujá, através das secretarias de Esportes e Lazer (Seela) e de Turismo (Setur), FuWax, NaJaca, Sabesp, Governo do Estado de São Paulo, Associação de Surf de Guarujá e Federação Paulista de Surf. Promoção das rádios 013 e Saudade FM, Waves, Surfland e Woohoo.

Fotos divulgação: Silvia Winik (ondas) e Fábio Maradei (perfil)

Por Fábio Maradei