Eduardo Motta é destaque no Hang Loose Surf Attack em Maresias

Eduardo Motta. Foto Munir El Hage

SURFISTA DE GUARUJÁ BRIGA POR 2 VITÓRIAS NA 2ª ETAPA DO RANKING E QUER COMPLETAR A LISTA DE TÍTULOS NO PRINCIPAL CIRCUITO DE BASE DO BRASIL

Publicidade

Nos últimos anos, o surfista de Guarujá, Eduardo Motta, sempre apareceu como um dos grandes destaques no Hang Loose Surf Attack, o principal circuito de base do surf brasileiro, conquistando títulos em várias categorias. Na etapa inicial deste ano, não foi diferente, com a presença em duas finais. Não venceu desta vez, mas novamente mostrou um surf de altíssimo nível, sendo o segundo na sub18 e o quarto na sub16.

Agora, na 2ª etapa, que será realizada de sexta-feira a domingo (27 a 29), na Praia de Maresias, em São Sebastião, ele compete confiante, querendo repetir as boas atuações. “Surfei muito bem na primeira etapa, acabei não conseguindo manter o ritmo nas finais, mas foi uma competição irada. Consegui notas altas em todas as baterias. Em Maresias, vou com tudo nas duas categorias. Não tenho preferência. Quero chegar nas duas finais e, quem sabe, sair campeão de lá”, afirma.

Apesar de já estar competindo nas etapas do Qualifying Series QS, o acesso à elite mundial, ele segue no Hang Loose, aproveitando o alto nível técnico da nova geração para manter o ritmo. “Este é um ano de começo, quero somar pontos no QS. No Hang Loose é bom competir porque tem muita molecada boa. Já fui campeão em todas as categorias menos na júnior (sub18). Se der, ainda conquisto este título este ano”, fala.

Aos 16 anos, Dudu ou Mottinha confirmou ser um dos talentos promissores do surf brasileiro, com um vídeo de suas performances publicado nas redes sociais da WSL. “Ter o post no Facebook e Instagram da WSL foi demais. Deu para mostrar mais o meu surf para o Mundo. Meu futuro daqui para frente é o QS e meu objetivo é entrar o mais rápido que der no WCT”, revela o atleta.

Além da sub18 e sub16, o Hang Loose é disputado nas categorias sub14, sub12, sub10 e a novidade, a feminina sub16. A 2ª etapa tem início na sexta-feira, às 8 horas, e as finais serão realizadas no domingo, a partir das 13h. A competição será transmitida pela internet, no link http://www.fpsurf.com.br/eventos/18/hla/hla01/aovivo3.php.

O Hang Loose Surf Attack 2018 tem os patrocínios de Overboard Action Sports Store, Surf Trip, Super Tubes, Hot Water, Kyw e Sthill, com copatrocínios de Rhyno Foam e CT Wax. Apoios da Prefeitura de São Sebastião, Associação de Surf de São Sebastião, Governo do Estado de São Paulo/Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude, com divulgação de Waves e FMA Notícias. Organização da Federação Paulista de Surf.

FOTOS DIVULGAÇÃO DE EDUARDO MOTTA: MUNIR EL HAGE

FMA Notícias