Decisão do Rip Curl Guarujaense de Surf 2016 abre inscrições na segunda-feira

 

 

Publicidade

As inscrições para a 2ª e decisiva etapa do Rip Curl Guarujaense de Surf 2016 abrem na segunda-feira (12). Na primeira semana, apenas surfistas de Guarujá podem garantir participação, indo até o palanque fixo Paulo Tendas, na praia do Tombo, de segunda a sexta-feira, das 14 às 18h, com Ivo. As vagas remanescentes serão disponibilizadas a partir do 19 para atletas de outras cidades. A taxa é de R$ 90,00, mais um quilo de alimento não perecível (exceto sal e açúcar), entregue, obrigatoriamente, no ‘Beach Marshall’, antes da disputa da primeira bateria.

A competição está confirmada para os dias 24 e 25, na Praia do Tombo, definindo os campeões municipais nas categorias open, júnior (até 18 anos), mirim (no máximo 16 anos), iniciante (limite de 14 anos), estreante (12 anos para baixo), feminina, master (35 anos em diante), longboard (pranchões) e SUP Wave. O grande destaque fica para a disputa do Supercampeão, valendo uma passagem para a Indonésia, oferecida pela Qatar Airways, em parceria com a Ocean Travel.

“Esperamos mais um grande evento, como já é nossa tradição. Conhecer os campeões de 2016 em grande estilo”, afirma o presidente da Associação de Surf de Guarujá, Paulo Gonçalves, agradecendo a parceria com a Prefeitura e a Rip Curl, marca patrocinadora do Circuito há oito anos. “Temos um campeonato de alto nível, formando novos valores, valorizando os surfistas de uma cidade que atenção ao surf, tanto que o atual campeão mundial surgiu aqui. Um orgulho para nós”, destaca Paulinho, lembrando Adriano de Souza.

Na etapa inicial, realizada nos dias 6 e 7 de agosto, na Praia de Pitangueiras, o grande destaque foi Júlia Santos, que defende o título feminino e garantiu a maior nota do evento, um 9,17. Quem também chamou a atenção foi Luiz Diniz, no SUP Wave, com a maior somatória, 17,40 pontos, de 20 possíveis, com duas notas excelentes, 9 e 8,40, e superando o campeão mundial da categoria, Leco Salazar, que na longboard foi o vencedor.

Na open, Carlos Eduardo, o Inhonho, levou a melhor. Já na júnior, Matheus Mariano iniciou a briga pelo bicampeonato com o primeiro lugar, enquanto que na mirim, deu Luan Hanada. Na iniciante, Gustavo Giovanardi, de Praia Grande, manteve a sequência de vitórias (ano passado levou as três categorias da estreante). Já na estreante, dobradinha santista, com Yuri Beltrão e Renan Rodrigues. E entre os masters, Tekinho do Tombo superou todos os rivais.

O Rip Curl Guarujaense de Surf é uma realização da Associação de Surf de Guarujá, com patrocínio da Rip Curl, copatrocínios da Prefeitura Municipal de Guarujá/ Secretaria Municipal do Esporte e Lazer, Ocean Travel e Qatar Airways. Apoios: Shaper Neco Carbone, New Advance, Helio Coconuts Hot Wave, Seeds of Sea Surfboards, Flex Academia, Náutica Tintas Fiberglass e Eco Print. Supervisão da Federação Paulista de Surf. Cobertura da Hardcore e divulgação da FMA Notícias.

 

RESULTADOS

OPEN

1 Carlos Eduardo

2 Gabriel André

3 Marcio Pitcho

4 Luiz Diniz

 

JÚNIOR

1 Matheus Mariano

2 Alax Soares

3 Theo Fresia

4 Herbert Moreno

 

MIRIM

1 Luan Hanada

2 Júnior Siqueira

3 Tarcísio Souza

4 Victor Hugo

 

INICIANTE

1 Gustavo Giovanardi (Praia Grande)

2 Juquinha Júnior

3 Derek Matos

4 Diego Oliveira

 

ESTREANTE

1 Yuri Beltrão (Santos)

2 Renan Rodrigues (Santos)

3 Arthur Goulart

4 Rian Araújo

 

FEMININO

1 Júlia Santos (Santos)

2 Raiana Iguchi (Indonésia)

3 Louisie Frumento

4 Erica Lima

 

MASTER

1 Tekinho do Tombo

2 Ricardo Pupo

3 Binho Hanada

4 Pedro Ivo

 

LONGBOARD

1 Leco Salazar (Santos)

2 Jaime Viúdes

3 Daniel Farias

4 Luan Xavier (Itanhaém)

 

SUP WAVE

1 Luiz Diniz

2 Leco Salazar (Santos)

3 Welington Reis

4 Wallace Morris

Fotos Divulgação  Silvia Winik

Fábio Maradei – FMA Notícias

 

Galeria de Imagens