CBSurf Tour no Pará faz conexão com Japão

 

 Foto Denys Sarmanho Cartaz Divulgação CBSurf Tour

Publicidade

No CBSurf Tour,12 atletas garantirão vaga ao Mundial Júnior no Japão

Que a Olimpíada de 2020 no Japão, terá o esporte surfe, todos já sabem, e também que dias 22 e 23 deste mês os melhores atletas de base do Brasil disputam à abertura do CBSurf Tour 2017 na Praia da Atalaia, Salinópolis, Pará, ajudando a Confederação Brasileira de Surf a definir pelo ranking o time de 12 atletas abaixo de 18 anos que o Brasil vai levar em setembro para Mundial Júnior no Japão, que faz dele seu primeiro “evento teste” para as Olimpíadas de Tóquio.

O CBSurf Tour no Pará, mantém a premiação padrão de troféus e brindes, que inclui pranchas, mais um bônus extra de R$10.000 (Dez mil reais) distribuídos na Open (Sem limite de idade) e na Júnior (Sub 18) Masculina e também na Feminina, as duas primeiras dividindo R$ 4.000 (Quatro mil reais) cada, e R$2.000 (Dois mil reais) para a disputa Júnior das atletas nascidas a partir de 1999.

A Mirim (Sub 16), a exemplo do que já vem acontecendo no Mundial Júnior, passa a ter prova também feminina no CBSurf Tour e exige como ano base de nascimento 2001 ou posterior, enquanto na Iniciante (Sub 14) disputam apenas aqueles que não tenham nascido antes de 2003 e assim ao início de 2017 ainda eram ou permanecem menores de 14 anos.

Noélio Sobrinho, presidente da Federação Paraense de Surf (Fepasurf), se mostra confiante que o evento surpreenderá positivamente aos que nunca surfaram às ondas da praia de Atalaia em abril e que será uma grande disputa visando às sonhadas doze vagas ao “ISA World Junior Surfing Championship” em setembro no Japão, evento da International Surfing Association (ISA), entidade oficial do esporte surfe junto ao Comitê Olímpico Internacional (COI) e que está para o surfe no mundo assim como a Confederação Brasileira de Surf (CBSurf) está para a modalidade no Brasil, que entre filiadas em situação regular está à entidade filiada do Pará.

Entrada e bandeiras

“A Fepasurf, está mais do que em dia com suas obrigações perante o surfe paraense e nacional e ajuda nossa CBSurf a expandir para a região norte às fronteiras do circuito, ajudando a revelar talentos locais e nacionais. Desde a entrada da etapa do Pará no CBSurf Tour (em 2014), esta será a com maior número de bandeiras estaduais presentes” afirma Adalvo Argolo, presidente da Confederação, que em breve pretende anunciar outros eventos, tanto do CBSurf Tour quanto voltado para categorias nele não inclusas.

“Nossa responsabilidade com o surfe nacional aumentou muito, mais do que direito, a CBSurf tem o dever de realizar ainda mais eventos de alto nível técnico e assim garantir a manutenção do surfe brasileiro no topo e em constante renovação” finaliza o dirigente.

A etapa inaugural do CBSurf Tour, Circuito oficial da Confederação Brasileira de Surf, de disputas dias 22 e 23 de Abril em Praia da Atalaia, Salinópolis, Pará, é realização da Confederação Brasileira de Surf com Federação Paraense de Surf e Abraspo, em parceria com Governo do Pará, Fundação Cultural do Estado do Pará, Prefeitura de Salinópolis e Sertursal, tendo divulgação promocional da TV Liberal e Jovem Pan Belém 102.3. Para informações de vaga em cada categoria acesse www.cbsurf.com.br ou se comunique com a CBSurf via whatszapp 71981352268, apoio e logística na ida ao Pará contate Fepasurf Whatsapp 91981667005.

Assessoria de Comunicação para CBSurf

Fonte cbsurf.com.br

CBSurf tour 2016, Atalaia Salinópolis Pa Foto Rick Werneck